Floral de Bach para a Senhora Bennet

Tempo de leitura: 2 minutos

Floral de Bach para a Senhora Bennet.

Pelo visto, está difícil caminhar por aqui. Olha quem está vindo, agora, na minha direção: a Senhora Bennet, chegando na carruagem! E ela já está me chamando:

– Ei, senhorita! É você a nova terapeuta floral?

– Sim, sou eu, Senhora Bennet. Tudo bem?

– Ai, minha filha, que bom que você chegou! A Elizabeth disse que você ia trazer uns remédios para os meus nervos. Ai, estou com dor de cabeça. Meu coração anda apertado. Estou preocupada com a Lydia. Ela se casou, mas hoje viajou para Bath, para um festival que vai ter lá. E ela foi sem o marido. Ai, meus nervos! Eu achei que, quando ela se casasse, minhas preocupações acabariam. E ainda tenho duas filhas pra casar! O que eu faço? Não temos visto homens solteiros por aqui. Está difícil. E solteiro com dinheiro está mais raro ainda. Bem que a Charlotte fez de se casar com o Mr. Collins. Não ia aparecer outro para ela. E ainda bem que as minhas filhas mais velhas também se casaram. Elas tiveram mais sorte que a Charlotte: se casaram com homens bons e com fortuna! Duas preocupações a menos. Mas ainda tenho duas filhas solteiras Ai, meus nervos! E o meu marido só fica na biblioteca. Só eu me preocupo com o futuro das minhas filhas! Ai… Mas agora tenho que ir a Bath. Vou atrás da Lydia. Ai, meu Deus! Estou com medo de um escândalo. Ah, se todos os homens fossem como o meu genro Darcy. Esse, sim, é um homem bom. Soube disso assim que o vi. Bom, mas já estou indo. A carruagem vai me levar a Bath. É pra lá que todos estão indo, para o festival. Diga a Elizabeth que viajei.

– Pode deixar, Senhora Bennet. Boa viagem.

– Sim, vou indo. Ah! E o meu remédio para os nervos?

– Ah, sim, pegue este vidro de floral. É ótimo para os nervos. Boa viagem!

Expliquei como se toma o floral e acho que ela entendeu.

Ah! E o floral que passei para ela foi o Heather. Pessoas do tipo Heather são verborrágicas. Não ouvem. Falam muito de si e dos seus problemas, aumentam as emoções. São ansiosas, irrequietas e extremamente preocupadas. Costumam sofrer de nervos. São, no fundo, umas crianças carentes.

Bom, espero que ela tome direitinho e que, agora, eu possa caminhar. Bem que estou precisando caminhar e respirar. Só de conversar com a Senhora Bennet, já fiquei cansada! Ufa!

Vamos lá e até o próximo encontro.

Com carinho e gratidão,

Rebeca

p.s.: Você conhece alguém do tipo Heather?

(Ver post anterior dessa série de posts “Florais de Bach para os personagens da Jane Austen”: Floral de Bach para a Jane.)